terça-feira, 29 de novembro de 2011

Reflexão das apostilas estudas: Aprendizagem a exemplo da terceira idade. As sereias do mundo eletrônico.


        Como seres em constante formação, devemos ter o discernimento entre o real e o fantasioso. É óbvio que as novas tecnologias são necessárias e importante para a educação.
         No entanto, é preciso estar preparados para recebê-las de forma coerente, criativa e inteligente.
         Criar ambiente que favoreçam o senso crítico dos educandos, para de diante de qualquer situação da vida real ele saiba questionar, interpretar, e usar em sua prática o que lhe for conveniente. Assim o aluno aprendiz desenvolverá uma mente pensante, capaz de buscar formas revolucionárias de uso das variadas formas de tecnologias.
         O grande desafio da educação é formar pessoas dinâmicas, questionadoras, desafiadoras, bem ao contrário do que estão sendo praticado nas escolas que é a submissão diante dos conteúdos.
         Não importa qual o veículo da vez, o que importa é a capacidade de se descobrir, recriar, enfim  de ser verdadeiros seres humanos em busca de um mundo melhor e da alegria de se viver nele.


                          
                                                                          

TECNOLOGIAS NA ESCOLA








RESULTADO DOTRABALHO POR PROJETO






Mudanças na escola na última década

O QUE MUDOU NA ESCOLA NA ÚLTIMA DÉCADA, NO SENTIDO DE ATENDER ÀS NOVAS DEMANDAS?

Os educandos de hoje estão inseridos num mundo globalizado, eles já chegam a escola tendo muita noção de variadas coisas, a escola precisa ser atraente para atingir seu público. A escola em que eu atuo tem procurado se mobilizar pra ser atraente, procurando formalizar todas as informações que os alunos trazem, transformando-as em conhecimento de maneira lúdica, os professores estão sempre se atualizando pra manterem os alunos motivados a aprendizagem.
A escola tem promovido troca de experiências, cursos de formação continuada, bem como se empenhando em melhorar as condições físicas para a promoção de novas oportunidades. A construção do laboratório de informática foi um grande avanço em prol da educação, no próximo ano teremos a sala de recursos com profissionais especializado para atender as demandas de alunos com necessidades especiais. Tudo para atender o maior número de pessoas possível de forma efetiva.

Aproveitar o tempo- Fernando Pessoa

APROVEITAR O TEMPO
Fernando Pessoa
Reflexão sobre este poema:

O tempo... quem é senhor tempo? A única certeza que temos é que ele não pára, portanto aproveite-o para ser feliz! Não importa se para isso vá perder tempo. Aproveite o tempo para aprender, mesmo que para isso perca tempo de estudar, pesquisar. Aproveite o tempo para amar, mesmo que para isso perca tempo para conquistar e cuidar do seu amor!

sábado, 26 de novembro de 2011

Contribuições das tecnologias na Educação

Nesta atividade os alunos tiveram a oportunidade de desenvolver habilidades relacionadas à Língua Portuguesa, História e Matemática.
Eles formularam perguntas, organizaram em sala de aula para excluir as repetidas, podendo assim desenvolver a oralidade e a produção escrita. Ao realizarem a entrevista com a profissional do telecentro compreenderam um pouco da história da sua cidade, relacionando tempo e espaço, envolvendo os capôs de Matemática e história. Ao manusearam o microfone, a caixa de som e câmera fotografia demonstraram grande desenvoltura, depois colocaram as imagens no computador, superando as expectativas.
Fiquei muito feliz com os resultados.

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Fichamento

Ativ-1.5_sirlene,

Fichamento

Nome do Programa: Portal do Professor
Área do conhecimento envolvidas: Alfabetização
Síntese:
A aula está muito bem elaborada, permitindo ao aluno um desenvolvimento de atitudes favoráveis à leitura e as capacidades de levantar e confirmar hipóteses relativas ao conteúdo. Ainda ajuda na compreensão das funções e característica de uma notícia.

Escrever aprender com as mídias

Escrever e aprender com as mídias digitais

Eu só saberei se meu aluno realmente apreendeu quando ele for capaz de argumentar sobre o assunto trabalhado, expressando suas ideias de forma clara.
O professor transmite informação nas suas interações com o aluno, principalmente na transmissão de conteúdos, já o aluno busca na internet as informações no momento em que tem interesse por determinado assunto.
As informações são fundamentais na formação do conhecimento, no entanto, por si só não significa conhecimento, para se tornar tal, deverá se processada pelo sujeito, que lhe dará interpretações próprias. Informação nós passamos aos outros, já o conhecimento é intransferível.

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Trabalho com Jornal

TRABALHANDO COM PROJETO

Justificativa:

O trabalho com projetos permite aos alunos um conhecimento mais contextualizado e interdisciplinar.

Objetivos:

*enriquecer a prática de produção de texto.
*Desenvolver o gosto pela leitura de textos informativos.
*Compreender a diferença entre os textos e os suportes textuais.
*Permitir um envolvimento nos acontecimentos atuais, possibilitando uma melhor interação com o meio.

Público alvo:
O projeto será desenvolvido com toda a escola, com o envolvimento de toda a comunidade escolar, com atividades de acordo com o nível de aprendizagem de cada turma.

Desenvolvimento:
*Apresentar aos alunos diversos jornais, para que observem, as partes do jornal, os cadernos que o compõem.Deixar que manuseiem e familiarizem com os textos.Escolher um nome para o jornal. Cada turma ficará responsavel pela produção de um caderno.

Tempo previsto:

Aproximadamente um mês.

O que é currículo?

O que é currículo?
Tratamos neste curso de um conceito de currículo situado historicamente, que trabalha tanto com o conhecimento organizado, sistematizado, aceito socialmente e selecionado em estruturas previamente concebidas como do conhecimento que o aluno traz de seu contexto, da vida, mas que não se limita ao conhecimento cotidiano. Logo, o currículo não é apenas uma lista de conteúdos prontos a serem transmitidos aos alunos e não se Nossa experiência tem mostrado que as tecnologias podem trazer contribuições significativas ao desenvolvimento do currículo se houver clareza da intencionalidade pedagógica, isto é, se o uso das tecnologias ocorrer integrado a um projeto curricular que se proponha a desenvolver a capacidade de pensar e aprender com tecnologias.

.Quais as contribuições das tecnologias ao desenvolvimento do currículo?

O uso dessas tecnologias em processos de aprendizagem propicia o registro digital das produções dos alunos, criando condições para que se possam identificar as dificuldades e os avanços dos alunos, bem como reconhecer o que foi trabalhado do currículo prescrito e o que foi integrado, que vai além do previsto em planos e livros didáticos e O uso de tecnologias permite retomar a visão de conhecimento em sua unicidade por meio do estabelecimento de ligações em redes que integram idéias, conceitos, experiências, padrões de distintas áreas e disciplinas, reconfirmando a relatividade da ciência e a noção de espaço-tempo.
A pessoa aprende quando estabelece relações entre novas informações e conhecimentos que possuía e constrói novos significados. Isto ocorre tanto no âmbito de uma disciplina como na integração entre disciplinas.

.Como integrar efetivamente as tecnologias ao desenvolvimento do currículo?
A integração de tecnologias de informação e comunicação permite interligar essas duas vertentes em novas práticas pedagógicas com o uso da Internet e Web, o que proporciona expandir as situações de aprendizagem e englobar a complexidade crescente do conhecimento, da ciência e da tecnologia.

.Como desenvolver projetos no âmbito do currículo?
O trabalho por projeto potencializa a integração de:
diferentes áreas de conhecimento, ou seja, a multidisciplinaridade e a interdisciplinaridade;
várias mídias e recursos (livros, TV, rádio, computador, filmadora etc.).


No trabalho com projeto, desenvolvido na perspectiva integradora, o aluno pode expressar seu pensamento por meio de diferentes linguagens e formas de representação.

Hipertexto

Hipertexto, é um termo usado atualmente para representar a citação de outros textos dentro de um texto na Web. Ele funciona com um firmador, de ideias, dando exemplos de onde encontrar a comprovação do que se quer mostrar em outros lugares. Estas colocações receber o nome de links, onde você clica e ele te remete par outra janela na internet.
No entanto, esse termo não é novo, ele é bem antigo, ele começa já nos textos manuscritos, onde um copista ia transcrever algum texto e fazia modificações, sendo assim uma espécie de escrita coletiva. E ainda faziam anotações nos rodapés das páginas, que depois eram transportados para outros cadernos, permitindo assim uma leitura não linear do texto, que poderiam se consultadas por outros leitores.
A primeira descrição formal da ideia surgiu em 1945.
Hoje é muito importante esta ferramenta que nos permite ficar mais seguros de um determinado assunto, que estivermos pesquisando, pois podemos conferir as informações em várias fontes.
De um modo geral, sempre que vamos escrever um texto, praticamos está forma de representação, pois nenhum texto é inteiramente de um só autor, poi quando escrevemos nos remetemos a outra fontes que já vimos antes, e um autor sempre parafraseia o texto de outro, afinal estamos inseridos num mundo letrado, onde as fontes se cruzam constantemente. E cada um usa sua subjetividade na hora de escrever, mas sempre aproveita de informações previamente assimiladas.
Esta é mais uma forma de aprendermos que todos os conhecimentos estão interligados, assim como as pessoas estão inseridas dentro do seu contexto social, cultural e portanto tem suas próprias características sem perder
as do grupo a que pertence.


Sirlene

Quem sou eu como professor e aprendiz?

Quem sou eu como professor aprendiz?


Como professora sou uma pessoa que gosta muito de desafios, já atuei em vários setores da educação. Atualmente, estou trabalhando na sala de telecentro, dentro de uma escola de ensino fundamental. Esta experiência está me proporcionando uma emoção ímpar, devido ao interesse e prazer que as crianças demonstram em ter a oportunidade de conhecer o mundo informatizado. A maioria desses alunos, são oriundos da zona rural e nunca tiveram a oportunidade de estar em contato com um computador.
Estou iniciando com eles o conhecimento da máquina e as noções básicas de manipulação dos aparelhos para que depois possam ser incluídos no mundo digital gradativamente. Atendo também alunos com necessidades especiais, e para eles é ainda mais estimulante, um recurso novo.
Como aprendiz, descubro aos poucos novas possibilidades de aprendizagem e como posso utilizar destes recursos na minha prática pedagógica. Como ser em constante formação percebo o quanto ainda tenho que aprender! Este curso do PROINFO, veio de encontro aos meus anseios, pois sei que preciso me aperfeiçoar muito para atingir meus objetivos profissionais.
Através da informatização as pessoas têm mais oportunidades, inclusive de se tornarem mais participativas, mais atuantes na vida social e política do seu país. Por isso acredito que estamos no caminho certo rumo a uma sociedade mais democrática, mais justa e igualitária, onde todos tenham condições de sobressair, sem discriminações ou desigualdades sociais que exclui os menos favorecidos.
A informática está entrando na educação devido à necessidade dos novos rumos que a pedagogia tem pela frente de sair do tradicionalismo, do convencional e oferecer uma educação mais atrativa e atuante aos educandos, que vislumbram uma aprendizagem significativa.
Estou muito animada e otimista para esse curso, espero colher bons frutos.



SIRLENE

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Fichamento

Ativ-1.5_sirlene,

Fichamento

Nome do Programa: Portal do Professor
Área do conhecimento envolvidas: Alfabetização
Síntese:
A aula está muito bem elaborada, permitindo ao aluno um desenvolvimento de atitudes favoráveis à leitura e as capacidades de levantar e confirmar hipóteses relativas ao conteúdo. Ainda ajuda na compreensão das funções e característica de uma notícia.

Reflexão sobre os textos do PROINFO

Como seres em constantes formação, devemos ter o discernimento entre o que é real e o que é fantasioso. É obvio que as novas tecnologias são necessárias e importantes na educação atual. No entanto, é preciso estar preparados para recebê-lo e aplicá-lo de forma coerente, criativa e inteligente. Ao invés de criar proibições ou liberações excessivas, possibilitar censo crítico, interpretações, questionamentos. Isso permite a qualquer ser pensante buscar formas revolucionárias do uso de variadas formas de tecnologia.
O grande desafio da educação é formar mentes abertas, questionadoras, desafiadoras, bem ao contrário do que as escolas estão praticando, que é a submissão.
Não importa qual o veículo da vez, o que importa é a capacidade de se formar verdadeiros seres humanos em busca de um mundo melhor e da alegria de se viver nele.
Para isso a aprendizagem deve ser bem mais abrangente do que simples memorização, ela tem que promover a compreensão, participação efetiva nas interações cotidianas.

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Conversando sobre educação

Todo educador esta se sentido um pouco tenso, os tempos estão mudando, as pessoas estão apressadas demais, e o processo educacional é algo que demanda tempo, disposição, dedicação, paciencia!
Diante de tudo isso, nos sentimos angustiados, impotentes.
Mas o importante na vida, é que somos serem em contante formação, estamos apredendo sempre!